terça-feira, maio 23, 2006

Lousada Passeios Históricos

No dia 21 teve lugar um evento no Rio Sousa e seus afluentes como o (Mesio e Ribeira de Barrosas). A C.M. de Lousada, organizou o passeio, levando 54 pessoas, ao encontro histórico, onde esteve representada a (AARiS) Associação dos Amigos do Rio Sousa.
Este passeio foi importante no sentido de conhecer e admirar o esforço que alguns proprietários fazem em manter o funcionamento dos seus moinhos. Das perguntas e respostas, soubemos que só por questões de tradição, do respeito pelos nossos antepassados, pela antiguidade e tradições históricas, é que alguns moinhos se vão mantendo em funcionamento.

Manter um moinho a funcionar, como todos sabem, não é rentável, e é pelos motivos apontados que alguns proprietários vão tendo o cuidado de os preservar, dando a conhecer as origens da sua história e a Vivência das suas famílias desde o século XIX e XX, como por exemplo os moinhos da ribeira de Barrosas de S. Miguel, da senhora Maria, o moinho da casa do Porto da Família Peixoto Magalhães, os moinhos de Pias da Senhora Margarida e ainda o moinho de Casais, da Junta de Freguesia.

A esperança é prenúncio de alegria, e como ontem foi inaugurado o Moinho de Novelas no Rio Sousa da autarquia de Penafiel, o que é de LOUVAR, espero que o mesmo aconteça a muitos outros Moinhos que estão à mercê de vândalos, em estado de degradação, abandono, encobertos e alterados. Só com esta força de Gente e de Autarcas capazes, sensíveis e que tenham amor por todos os componente dos moinhos.

Os Museus sim, mas a mover e a moer, para que um dia possamos mostrar e contar a história não morta, mas sim em movimento de todos os Moinhos, aos nossos vindouros.

Muitos dos outros Moinhos que tivemos a oportunidade de os apreciar, tão mal tratados, tão abandonados, que alguns proprietários preferem o seu abandono á sua manutenção e anseio por falta de condições e de verbas.
Vamos tentar acudir e remediar.
O RIO precisa de todos nós.
Nós queremos os Moinhos nos Rios a funcionar.